COMUNICADO

Oi gente!

É provável que vcs notem que em alguns posts do blog há fotos que não aparecem ou não abrem ampliadas em outra janela. Nós tivemos problemas com a hospedagem dessas imagens, por isso algumas foram perdidas.
Já estamos trabalhando a fim de recuperá-las (temos backup, ainda bem!). O processo levará algum tempo, mas vai dar tudo certo.
Agradecemos pelo apoio recebido até o momento, e contamos com a compreensão de vcs. <3

domingo, 6 de setembro de 2009

Shampoos: praticamente tudo que eu tenho a dizer sobre eles

Vejo que o pessoal curte resenhas de produtos pra cabelos. Mas eu não costumo experimentar muito, não. Já fiz isso, e hoje acho que não vale mesmo a pena ficar trocando.

Isso porque, de tudo que experimentei – e foi muito – pouquíssimos eu achei que mereciam um lugar no meu banheiro.

Vou falar, então, deles, um de cada vez, aqui, ta?

Hoje, dos shampoos. Essa é a parte mais difícil. Até hoje achei uns poucos que gostei. Sério. O motivo é simples: eles, tanto quanto condicionadores, tendem a deixar resíduos nos cabelos. 

“Aaaaaaaaah, mas aí a gente usa shampoo anti-resíduo.” Ora, mas que raios! De-tes-to ter que usar um produto pra consertar o estrago que outro fez e que poderia muito bem não ter feito! Acho isso um desaforo. 

“Aaaaaaaaaaaaah, mas aí a gente troca de shampoo a cada dez lavadas, pra tirar o resíduo de um e colocar o resíduo do outro!” Vale o mesmo comentário acima.

É por isso que eu aprovo pouquíssimos shampoos/condicionadores. Até hoje só três marcas conseguiram essa proeza: Graham Webb (todas as linhas, menos a Ice Cap), Senscience (todas as linhas), Keune (todas também), Image (alguns sim, outros não). Ah, e Joico!

Os outros duzentos shampoos/condicionadores que eu experimentei deixaram meu cabelo lindão nas primeiras lavagens, e depois de uma semaninha usando, pesados e sem brilho, aquela coisa que parece que não lavou direito. É por isso que eu jamais vou falar bem de algum produto antes de usa-lo por pelo menos uns 15 dias.*

Já digo também outra coisa: Não, eu não fico trocando de shampoo. Uso o mesmo direto, por anos a fio, e não, meu cabelo não fica nojento, meu cabelo não enjoa do produto. Produto que “enjoa” é produto ruim! (Bom, é produto que deixa resíduo, o que pra mim é sinônimo de ruim. Si-nô-ni-mo.)

Atualmente – e isso quer dizer de uns cinco anos pra cá – tenho usado Senscience direto. Ótimos!

Um destaque especial pra linha mais recente deles, que ativa os cachos, a Curl Define. Incrível como shampoo/condicionador faz diferença nisso! Meu cabelo enrola com eles! Enrola mesmo, gente! Sério! Coisa liiiiiiiiiiiiinda, eu amo esse parzinho da Senscience.

Tem também o Smooth, que tira bem o volume  e deixa mais liso.

O Silk Moisture eu não gosto muito de usar direto, porque ele é mais pra fortalecer os fios, então se usar direto não fica lá muito macio. Mas é ótimo pra quem tem fios quebradiços, ou com descoloração ou relaxamento.

Keune é bom, satisfatório pra quem não tem grandes problemas com cabelos, pois as linhas são mais suaves. Vai ver que é porque a marca é Holandesa, os caras lá não estão acostumados com cabelo ruim. Rs Mas gosto bastante também.

Graham Webb são ótimos, mas não são vendidos mais no Brasil. Tem no Ebay, mas deles eu gosto mais dos produtos de acabamento. De shampoo/condicionador, Senscience ta vencendo.

Joico é bom, não deixa resíduos também. Tem um com cheirinho de coco que é uma delícia (não lembro qual).

KMS California é uma marca de muito respeito. Tudo deles é excelente, mas não se acha no Brasil. 

IMPORTANTE: Se você escolhe seu shampoo pelo cheirinho ou pela embalagem, acho que você erra. Erra feio. Se eu posso deixar um conselhinho sobre isso é o seguinte: shampoo é feito pra higienizar o cabelo, limpar e tratar. O foco deve ser esse. Pra perfumar, a gente usa perfumes, aromatizadores de ambientes, incenso, etc. E se você escolhe seu shampoo pela embalagem legal, bonita, transadinha, colorida, também erra, por motivos óbvios, certo? ;)


Ufa! Escrevi pra valer agora! :D Espero que as informações sejam úteis. Não deu, claro, pra dar todas as informações, então se tiverem alguma pergunta, coloquem nos comentários e eu vou respondendo, com as informações que eu tenho, ok?


*Nota: Durante uns 10 anos eu tive um pequeno salão de beleza. Vivia recebendo amostras de fornecedores, ia a todas as feiras e experimentei coisas que nunca sequer chegaram no Brasil, coisas de várias origens. Desde argila medicinal de Israel, a shampoos noruegueses pra dar volume. Muita coisa! :)

Além disso, tinha a pesquisa terceirizada. Eu acompanhava os resultados nos clientes, e recebia feedback de mais outras tantas coisas, sobre o que usavam e o que os produtos faziam - de bom ou de ruim - por eles. Mais muita coisa!

12 comentários:

Milena disse... [Responder comentário]

Eu até hoje não encontrei um shampoo que eu pudesse usar direto até o fim sem meu cabelo enjoar. E olha que eu tive um dessas marcas aí, vc que me deu. :P

Será que o tipo de cabelo influencia???

Dos nacionais, o que mais aguentou e deixou meu cabelo bonito por muito tempo, foi o do C.Kamura. Comprei a linha para cabelos tingidos, inclusive o leave-in.
Achei muito, muito bom mesmo. Ainda tô pra ver um nacional com a mesma qualidade.

O vidro é enorme, durou MESES (apesar do meu cabelo ser longo, ele é muito fino, então shampoo rende à beça pra mim). Eu usei uns 2/3 do frasco, parei um mês e depois usei o resto.

Pra mim, isso é inédito. Nem com Neutrogena (que eu gosto muito) eu consigo isso.

Pri... disse... [Responder comentário]

Poxa... Deprimi... Nenhum produto nacional presta? :-( Nenhum de valor um pouquinho mais acessível? :-( Pode ser sincera - porque isso não é uma crítica. É uma tristeza e uma desilusão diante da constatação. Porque eu posso dizer ATÉ HOJE que a minha saga com shampoos não acabou. Não encontrei um pra chamar de meu.

Renata disse... [Responder comentário]

Pri, até tem, viu? Tenho usado um que achei bem decente. Amanhã faço resenha dele, tá? ;)

Silvia disse... [Responder comentário]

Re

Amei....
Já sabia da KMS, agora estou sabendo da Senscience, que vc inclusive indicou pra Selma.
Eu tb ainda não encontrei um shampoo pra chamar de meu!!!
Minha saga continua.....
'Bora experimentar todos!!!!

Bjs

Dani disse... [Responder comentário]

Ótima resenha!!! Mas eu cabelo é cacheado??? E os ondulados, tratados e tingidos??? Tem alguma dica??? O problema do ondulado é que às vezes ele fica com uma cara de despenteado, com um pouco de volume...

Bebel disse... [Responder comentário]

Renata, será que vc lê comentário em postagem antiga? Espero que sim! Tenho cabelos (e pele muito) oleosos! Dessas marcas que vc citou, já usei Keune. É bom, mas eu não diria que foi excelente pra mim. Atualmente eu uso o L'oreal Professionnel Pure Control, mas está acabando e parece que saiu de linha, não entendo a razão. Gosto dele, controla bem a oleosidade, às vezes até consigo ficar um dia sem lavar cabelo. Agora fiquei bem curiosa com esse Senscience... Essas marcas que vc citou só são vendidas em salão? Ou vc sabe de algum outro lugar (+ barato rs) em São Paulo pra comprar esses produtos? Qual vc indicaria pra alguém que tem cabelo mega oleoso como eu?
Beijos e obrigada

Renata disse... [Responder comentário]

Oi, Bebel!

Em SP acho que só encontra em salões, mesmo, ou lojas com acesso restrito a profissionais da área.

No Ebay dá pra encontrar várias coisas, o preço é melhor. Já tentou?

Sobre cabelos oleosos, eu não entendo nadica. A Milena tem esse problema, ela pode saber melhor o que indicar. ;)

bjs!

Juliana disse... [Responder comentário]

A eterna batalha com shampoos e condicionadores...rs...E olha que já fui salva pela Renata inúmeras vezes.

Finalmente estou feliz da vida! Senscience é a minha preferida tb e achei os potes gigantes de 1L por apenas U$14.

Ah, e de quebra, reencontrei outro produto da Senscience que gostava muito: o Deep Moisturizing Conditioner, mas este é mais intensivo.

Tenho que confessar que não me dou muito bem com os produtos da KMS...Mas todos os outros, Senscience, Joico, Graham Webb são ótimos!!!

Renata disse... [Responder comentário]

Juliana? Jujuba? É você, daí dos confins do Canadá?

Gleice disse... [Responder comentário]

Dps de tantas progressivas, estou tentando ter os meus cachos de volta... Será que o shampoo que vc citou da Senscience Curl Define, pode me ajudar nesse processo desesperador de metamorfose???

Estou adorando o blog de vocês...

Beiinhos..

Renata disse... [Responder comentário]

Gleice, deve ajudar, sim. É o único que acentua minhas ondas. Produtos de qualidade, muito tratamento e paciência (tempo), aí seus cachos vão voltando. :)

bjs

Juliana disse... [Responder comentário]

Rs...Sim sim...diretamente das terras gélidas...vire e mexe, dou uma xeretadinha por aqui...e para acrescentar, não é shampoo, eu sei, mas ajuda a hidratar bastante no inverno daqui e é um dos meus produtos preferidos, o Moisture Kick em spray da Schwarzkopf...Beijos!!!

Related Posts with Thumbnails