COMUNICADO

Oi gente!

É provável que vcs notem que em alguns posts do blog há fotos que não aparecem ou não abrem ampliadas em outra janela. Nós tivemos problemas com a hospedagem dessas imagens, por isso algumas foram perdidas.
Já estamos trabalhando a fim de recuperá-las (temos backup, ainda bem!). O processo levará algum tempo, mas vai dar tudo certo.
Agradecemos pelo apoio recebido até o momento, e contamos com a compreensão de vcs. <3

segunda-feira, 8 de março de 2010

Batonzinho “Obey inspired”


coral

Sempre gostei de batons corais. Nos anos 80 usei muuuuuuuuito, até de repente ele entrar pro rol de “cafonices imperdoáveis” do mundo da maquiagem. Eis que por ora os corais foram perdoados e voltaram com força total (já que o mundo da beleza/moda passa por um revival dos 80, até que faz sentido).

No entanto, não curto corais muito avermelhados e puxados demais pra um cor de abóbora vivo, como Morange e Vegas Volt (ótimos swatches aqui, mostrados pela Karen). Pelo menos não em mim. Eu prefiro aquele coralzinho clássico, rosado, mais puxadinho pro salmão.

Depois de ver o post da Vic sobre o Obey, da Illamasqua, senti que tinha encontrado uma inspiração interessante. Ele não é tão tradicional e acho que é difícil de usar, mas é bonito. Parece um tom meio pastel e neon ao mesmo tempo, se é que isso é possível.
Na verdade, o “fator neon” não me encheu os olhos, mas o tom de coral do batom é muito interessante.

Inspirada pela saudade dos corais e com aval da moda atual, lá fui eu catar um coralzinho pra chamar de meu. Fiz uma tentativa com o Femelle da Tracta mas, apesar da cor linda na bala, não gostei da pigmentação nem do acabamento.

Dei uma desencanada depois desse post que fiz, que inclusive me motivou a separar 1/3 dos meus batons pra desapego. Eu estava determinada a não comprar mais batons a torto e a direito, só por causa de cor. E até venho fazendo isso mesmo. Já passei por muito batom fofinho e, visando um objetivo maior, deixei de comprar.

Só que eu me dei conta de uma coisa: certas cores talvez não valham um grande investimento, né? Por que gastar muito numa cor de batom que vc quer usar por um tempo limitado, ou muito de vez em quando?
Abri uma exceção na minha regra auto imposta e decidi que, nesses casos, vou me permitir investir num batom menos que “perfeito” e só me divertir, sem grandes expectativas de performance.

Eis que, com esse pensamento em mente, eu tava sem saber ONDE achar um coralzinho bacana e barato. Foi quando dei de cara, totalmente sem querer, com o Vult nº 14.

Confesso que até hoje nunca tinha sequer reparado nas cores dos batons da linha normal da Vult. Mas algo no 14 me chamou a atenção pelo cantinho do olho, e fui conferir.
Fiquei bem surpresa quando vi o coralzinho delicado. Ele é um equilíbrio perfeito de “aceso” e discreto e, com o meu tom de pele, a combinação é muito agradável.
Fica um batom pro dia-a-dia, mas que sai do nude. Tá quase na categoria dos cor-de-boca, mas com uma bossinha a mais.

(Aqui a cobertura tá mais leve porque apliquei por cima do balm)

O acabamento é cremoso, com brilho discreto. A cobertura/pigmentação é bem razoável (é com isso que eu sou mais chata). E até que ele durou bem nos lábios, viu.
Como pontos negativos, vem o cheiro (bem ruim), e o fato de não ser muito hidratante.

Então, NÃO, não é igual. É só “inspired” mesmo. Mas pra quem tá em dúvida se segura um Obey (tem que ter ousadia, né), pode fazer um test drive com essa versão, que é mais light.
Por 4 reais e uns trocados, não é mau negócio!

PS: Entre hoje e amanhã respondo os comentários atrasados, ok? ;)
Nem ia dar bola pro caso do batom mofado, porque na boa… Eu nem quero outro igual. Mas tantas meninas acharam um absurdo, que até vou correr atrás e ver o que o SAC diz.

19 comentários:

Adri disse... [Responder comentário]

lindinho, tenho ele e só uso com balm por baixo, aquele protetor labial fator 30, da Nivea Care.

uma dica de coral bacaninha: o Pitanga, da Dailus.

Makeup da Cris disse... [Responder comentário]

Olá ,
Gostei da idéia de um coralzinho...ainda não tenho um desses!!Agora para mim os vermelhos são eterna paixão...apezar que não uzo durante o dia só a noite msm...
Olha estou adorando seu blog e estou te seguindo ok já até addc no meu novo cantinho que completa um dia de vida hj rsrs bjos e ótima noite!

Da mineirinha Cris!

Carlinha Salgueiro disse... [Responder comentário]

Mi, acredita que comecei a rascunhar ontem o post sobre o Obey, que comprei na Illamasqua, justamente por causa da Vic Ceridono.
Realmente é neon, super polêmico ao ser usado.
Em todo o caso, sabe as semanas da ovulação? (Deve ser isto)! A semana em que nos sentimos poderosas (ou seria o polo positivo da bipolaridade?), pois então, taco na boca e nem ligo.
Tem gente torcendo o nariz, tem gente adorando.
Mas, eu não me arrependo de ter mandado vir o meu!
Antes dele chegar o mais vibe coral que eu tinha chegado perto era o Pitanga (!) da Dailus (vixi, ou koloss?), enfim, é mais vermelhinho, mas também não deixa de ser lindo.
Enfim, de qualquer forma, imagina se não vou provar, nem que seja no mostrador este da Vult?
Beijinhos!

PS: eu li no twitter o recadinho, estava cochilando. Desencana do compromisso com o tempo, ok? ;)

Débora Fouraux disse... [Responder comentário]

Oi Milena! Td bem? adorei o blog! Parabéns! o batom parece ser uma graça! Beijoss

Cat! disse... [Responder comentário]

Oi Milena! Eu sou definitivamente fã dos batons coral. é sem dúvida a cor que eu mais gosto e fico todo ouraçadinha só de ver um por perto. Só fiquei um pouco preocupada agora com vc dizendo que o vegas volt é de um abóbora aceso, pelas swatches me pareceu um coralzinho mais cor de papaya, mais "fofinho". Tô esperando o meu chegar roendo as unhas de preocupação agora.
beijos e o blog tá ótimo.

Ai que doida! disse... [Responder comentário]

Oi! Minha dica é o Tinted lip conditioner SPF15 na cor Gentle Coral, da MAC. Além de hidratar horrores, é um tom de coral lindo e discreto. Não tem erro. Bjo
http://broguedadoida.blogspot.com/2010/03/verdadeirou-ou-falso.html

Paula disse... [Responder comentário]

A vult é o que há!!!
pena que em salvador seja tao raro..

bjoss

Bianca disse... [Responder comentário]

Eu tenho esse batom, e adoro a cor dele, combina com tuuudo!!
Mas não acho ele parecido com o Obey não.
Ai, como eu queria um Obey!!! Alguém quer me dar????????? hehe
Beijos

Tarcisia disse... [Responder comentário]

Oi... Ontem em uma ida a farmácia e vendo uns batons encontrei o 14 da Vult. Já ia te dar essa dica de batonzinho coral, aí no final do post vi que você já tinha encontrado ele. Rá!!! Gostei bastante da cor.
Adoro seu blog!! Beijo

Dáfni disse... [Responder comentário]

Milena,

Eu achei este batom bem bonitinho!

Eu tenho um coral mais puxado pro laranja, que eu adoro! Tá aqui neste link o post com swatche dele:

http://veramentebella.blogspot.com/2009/12/primo-rico-primo-pobre.html

É o YSL... Eu sei que é tão caro quanto o Illamasqua, mas paguei no Morangão mais barato - tipo até R$60,00! Fora a consistência dele que é uma coisa...

Beijos

Duda disse... [Responder comentário]

Mi, eu acho batom coral bem simpático, fica um meio termo entre a moda do estilo snob e os vermelhões.. mas tbm não sei se eu seguro um Obey! rsrs
Gostei da dica do Lip Conditioner da MAC, tenho um rosinha e como balm acho excelente!
bjos

Milena disse... [Responder comentário]

Oi Adri

Hm, o pitanga não é laranjão? Eu tenho medo... rs.



Cris

Eu tb não tinha, mas gostei da cor e tô usando direto! Vou ver seu bloguinho. Boa sorte!



Carlinha

Vi seu post do Obey. Eu acho liiiiiiiiindo, mas eu ando tão cagona ultimamente! rs. Acho que eu não seguro, haha.
Se vc vir esse 14, dá uma olhada. A cor é mesmo muito fofa.



Oi Débora!

Obrigada, fique à vontade! :D



Cat

Hm, acho que vc tem razão, sabia? Ele é bem papaya mesmo. Mas papaya é uma espécie de cor de abóbora, não é? Hahaha, eu pergunto porque não sei descrever mesmo.
Mas o swatch tá bem fiel, eu acho. Se vc gostou, fica tranquila. :)



Oi "Ai que doida" (rs)

Gostei da dica! Obrigada!



Paula

Poxa, que pena. :(



Bianca

Ele não é mesmo parecido, ele é só da mesma família de cores. O que eu quis dizer por "inspired", é que o Obey me inspirou a entrar na onda dos tons corais mesmo, hehe.



Tarcisia

Que coincidência, haha. Se encontrar algum outro legal, pode dar a dica que eu agradeço, rs. ;)
Obrigada!




Oi Dáfni

Uia, babei no YSL. Dá pra ver a consistência bacana dele pela foto, né? Lindão.
Ele meio que cai no tom de papaya tb, não?



Duda

Fiquei contente da moda voltar. O coral da um UP na expressão, né? Fora que combina com pele branquinha e pele corada... Bem democrático.


Beijos, meninas!

Priscila disse... [Responder comentário]

Milena, eu tenho esse batom da Vult (o único) e não sabia do frisson pelo Obey. Vasculhando a net, achei que lembra mesmo o Obey, só que é uma versão mais comportada e menos seca, sem contar que esse coralzinho é bem mais usável (só usava gloss até outro dia, imagine).
Ah, e juro que fiz questão de cheirar o meu batom aqui e não achei o cheiro ruim não, me lembra o mesmo cheiro do meu Snob,só que um pouco mais forte, mas qdo passo nos lábios, o cheiro some.

Bom, paguei seis dinheirinhos e acho que vale mto a pena mesmo.

bjs

Milena disse... [Responder comentário]

Oi Priscila

Hm, será que eu fui premiada com um exemplar de cheiro estranho? rs
Eu achei o cheiro perfumado, mas esquisito. Muito forte, arranha minha garganta, sabe? Não curti.
Mas a cor é mesmo muito fofa!

Bjs!

Fefeh disse... [Responder comentário]

Bom, vcs todas me deixaram com vontade do Pitanga e do 14!

Rumo à OMY amanhã mesmo! hahahaha

beeeijos

Karen Lommez disse... [Responder comentário]

Milena, obrigada por me citar! Acredita que outro dia dei de cara com esse batom e acabei comprando...??? Gostei tb! O Pitanga da Dailus tb é um coral mais rosado e lindo, mas vc não gosta da marca né? Uma pena. Estou com várias cores de Dailus e eles duram uma eternidade na minha boca e não ressecam...Os da Tracta não têm pigmentação boa mesmo. Bjk

disse... [Responder comentário]

Eu li o post de manhã e de tarde já passei numa lojinha de cosméticos pra comprar o meu e adorei!!
Valeu pela dica!

Beijos!

Milena disse... [Responder comentário]

Fefeh

Hahaha, se vc for, pega um Pitanga pra mim? kkkkkkkkkkkk



Karen

Que isso, citar a fonte é o mínimo, né? E sua postagem tava excelente (ótimas fotos, BTW).
Olha, eu achei o Pitanga tão lindo que vou até dar uma chance. O Grape descascou minha boca e manchou meus lábios. Mas quem sabe não era algo com aquela cor, né.





Espero que aproveite bem o bonitinho!


Beijos, girls.

Fefeh disse... [Responder comentário]

Mi, fui hoje e não achei nenhum dos 2, infelizmente! :(

Mas eu vou dar uma olhada no interior.. lembrei agora que minha mãe tem o Pitanga e comprou lá!

Se eu achar, trago um sim pra vc! :D

Beeijos!

Related Posts with Thumbnails