COMUNICADO

Oi gente!

É provável que vcs notem que em alguns posts do blog há fotos que não aparecem ou não abrem ampliadas em outra janela. Nós tivemos problemas com a hospedagem dessas imagens, por isso algumas foram perdidas.
Já estamos trabalhando a fim de recuperá-las (temos backup, ainda bem!). O processo levará algum tempo, mas vai dar tudo certo.
Agradecemos pelo apoio recebido até o momento, e contamos com a compreensão de vcs. <3

sábado, 1 de agosto de 2009

Inferno Astral e minhas makes


Longa ausência aqui do blog... Saudades de poder postar todos os dias, ver os blogs das colegas, comentar, tirar fotos, fazer resenhas.

Eu já vinha afstada há um tempinho. Me mudei às pressas, e depois tirei uma semaninha de férias (tanto tempo que não viajava!). Agora o que está pegando é o trabalho mesmo. Peguei um projeto que já se arrasta há 6 meses (se eu soubesse o quanto daria de trampo, teria pedido no mínimo 3 vezes mais), e agora está na reta final. Madrugada, fim de semana... Tudo virou "dia útil" e o tempo livre foi pela janela.

Até aí, normal. Tempo livre é luxo, né, às vezes a gente fica sem. A viagem foi maravilhosa, rendeu até alguns assuntos para postar aqui (em breve!). Eu já estava sabendo que o final do trabalho ia ser punk, então tratei de aproveitar bem.

Achei que ia enganar meu inferno astral (faço aniversário no próximo dia 10), mas não é que o danado me pegou? Pelo menos me esperou voltar de Bariloche (counting my blessings), o que não é pouco.

Pra começar, o meu computador começou a desligar na minha cara. A primeira vez eu não entendi, achei que tinha esbarrado em alguma coisa. Mas, na segunda vez que eu perdi uma imagem toda trabalhada que não estava salva, ficou bem evidente que havia algo de podre no reino da informática. Plaquinha de vídeo com cooler fudido. Nova, cara... Nhé, já dando aporrinhação.

Alguns detalhes do trabalho dando problema, não vale a pena comentar aqui. Mas já ajudam a elevar o nível de estresse da pessoa, néam.

E, pra culminar, a porcaria da pia do banheiro vazando. Primeiro inundou tudo que estava guardado no armário (shampoos, cremes, sabonetes, absorventes, etc), poupando as gavetas.
Achei que trocar um sifão ia ser fácil (não deveria ser?), mas precisei chamar 2 encanadores diferentes, já que o primeiro achou que a troca era desnecessária e fez um "remendo" que - óbvio - não adiantou nada. Mais 2 dias com a pia vazando (e tudo que estava no banheiro amontoado no armário o quarto) até arrumar outro.

Chega o segundo carinha, que também resolve discutir comigo e acha que vai conseguir consertar sem trocar o sifão (que que eu sei, né?). Conseguiu? Não. Ponto pra minzinha aqui, que nunca consertei pia na vida, mas cujos Tico e Teco funcionam.
Pois bem, lá vai o cara comprar a p&%$ do sifão. Comprou errado. Conseguiu a proeza, o Einstein. Sai de novo, compra outro. Finalmente consegue trocar, depois de horas de um serviço teoricamente rápido. Fico feliz.

Aí, sei lá porque, fui ver as gavetas onde guardo minhas maquiagens. Elas estão, tipo, totalmente isoladas da área onde a pia vazava. O sifão ficava na parte da porta do armário, um compartimento separado das gavetas por uma divisória.
A pia vazou durante todo o tempo que eu estive fora, e durante mais alguns dias desde a minha volta. As gavetas e seu conteúdo ficaram intactos todo esse tempo.
Eu não sei COMO, mas o quadrúpede que veio fazer o conserto conseguiu molhar as gavetas e, por consequência, todas as maquiagens que eu guardo lá dentro.

Batons? Molhados. Sombras? Também. Rímel? Corretivo? Bases? Blushes? Pós? Pincéis? Aham, aham, aham, aham, aham e idem.

Eu não sei pela graça de quem, mas depois de séculos secando e fazendo uma avaliação de tudo, a única coisa que eu perdi foi um batom que estava com a tampa quebrada, 2 duos de sombras da Vult, esponjas (fiquei com nojinho e achei melhor jogar fora do que lavar) e as embalagens que eu guardava de alguns produtos.

Quase tudo estava molhado por fora, mas com o conteúdo intacto. Foi uma grata surpresa, saber que as embalagens vedam os produtos melhor do que eu imaginava. Alguns dos selinhos de papel que geralmente ficam nos fundos das embalagens (que indicam cor, nome do produto, validade, etc), foram danificados, mas esse é o menor dos problemas.

Enfim... Vou ficar quietinha, sem fazer muita marola, até o dia 10 chegar e ir embora. Não vamos irritar "vc sabe quem", néam.

Se tudo der certo, amanhã tem post novo com fotos e review. Mas, vai saber... Amanhã a gente vê.



4 comentários:

Fodali disse... [Responder comentário]

Por um minuto eu achei que a foto do post era um croissant em chamas... acho que 'e fome. Hahahha

Mi, que zica hein? Ainda bem que o anjo da maquiagem tava de plantao...

Nunca da certo essa galera que vem fazer "conserto", eles sempre acabam quebrando alguma outra coisa, ou fazendo merda.

Acredita que a minha imobiliaria daqui deu a chave prum encanador fazer um remendo, sem o meu conhecimento, e depois da "visita" uma caixa de cafe do Brasil que a minha sogra trouxe sumiu?

Nao tem como, sempre da uma merda...

Faco votos pra que essa fase passe logo! (agora voce tem uma desculpa pra comprar novas esponginhas e outras coisas! Hehe)

Milena disse... [Responder comentário]

Maga, esse é o meu pobre Leão queimando no fogo do inferno, rs.

E tem razão, sempre dá merda. ODEIO esses consertos... *suspiro*

Nai Romero disse... [Responder comentário]

Mi, que chato =/

Ainda bem que as coisas que foram pro saco eram baratinhas, né. Esses tempos estava lendo o "Madames na cozinha" e a Glau estava recebendo algum produto ou fazendo algum conserto, não consigo lembrar, mas os caras quebraram a tampa do fogão (!!!!) e um jogo de panelinhas de louça que estavam encima da geladeira.

Mas olha, da próxima vez acredite, trocar sifão é SUPER FÁCIL! Para não acontecer de comprar errado, tira o velho e vai com ele até a loja...

Agora o que está parecendo estranho é o tubo do meu vaso sanitário vazando o banheiro inteiro quando eu dou descarga... Não sei como vou arrumar isso! ai ai

Boas vibrações aí pra você. rs

=**

Renata disse... [Responder comentário]

Lidei com coisa parecida hoje mesmo. Não vou comentar pra não ter que reviver a experiência. Prefiro esquecer o episódio - esse e outros do gênero.

E sim, sempre acontece. Basta lembrar do cara que colocou um ralo em cima do degrau, não precisa dizer mais nada... (não é ficção, é verdade, eu estava lá)

Boa sorte! (sei que é pouco, mas mesmo assim...)

Related Posts with Thumbnails