COMUNICADO

Oi gente!

É provável que vcs notem que em alguns posts do blog há fotos que não aparecem ou não abrem ampliadas em outra janela. Nós tivemos problemas com a hospedagem dessas imagens, por isso algumas foram perdidas.
Já estamos trabalhando a fim de recuperá-las (temos backup, ainda bem!). O processo levará algum tempo, mas vai dar tudo certo.
Agradecemos pelo apoio recebido até o momento, e contamos com a compreensão de vcs. <3

domingo, 2 de janeiro de 2011

Coco Beau The Big, Fat, Firm, Foundation Brush

OLYMPUS DIGITAL CAMERA

Imagem do website

Algum tempo atrás, quando comprei aquelas amostras da Face Atelier Ultra Foundation, bati os olhos no pincel que a loja online estava lançando – Coco Beau The Big, Fat, Firm, Foundation Brush. Vocês já sabem que eu sou louca por esses pincéis super densos pra aplicar bases, né? E esse pareceu tão irresistível, fofo, gordinho! Peguei um pra mim.

Quando chegou, achei que era o pincel dos meus sonhos: um pincel pra aplicar a base – líquida ou em creme - de forma super rápida e uniforme. Mas quando usei pelas primeiras vezes me decepcionei. Mas depois que experimentei mais, me surpreendi. Estou com ele desde então, pegando e largando e experimentando…

Explico: no começo eu não gostei porque usei passando o pincel na pele, sabem? Aí eu consegui foi uma aplicação rápida, mas “riscada”. Parecia igual a qualquer outro pincel de base comum, que acaba dando mais trabalho pra aplicar – pelo menos eu acho, nunca me dei bem com eles por causa disso. Fiquei chateada por ter gastado uma grana num pincel que não parecia diferente de qualquer outro pincel de base, só um pouco maior e mais denso. Ok, bem maior e bem mais denso…

Mas aí um belo dia eu peguei o jeito: nada de passar o pincel “arrastando”, e sim em movimentos de “carimbo”. Aí ficou super bom o resultado, e muito rápido! Enfim, quase encostei esse pincel pra sempre, mas quando aprendi a usá-lo acabei me apaixonando por ele e tenho usado direto.

O formato do pincel é único, eu pelo menos nunca vi um assim. As cerdas são muito, muito densas, e se usar a parte certa do pincel, é como se eu estivesse usando os dedos pra aplicar base, só que sem sujar as mãos, e com resultado melhor.

O que eu quero dizer é o seguinte: não usar a ponta do pincel, nem o lado, e sim a parte chanfrada. É isso que é diferente nesse pincel: essa parte do pincel tem uma superfície bem maior e mais densa do que os outros pincéis de base, e as cerdas são firmes e macias na medida. Isso é super legal pra dar aquela aplicação geral e depois aplicar mais base ou corretivo onde eu preciso (nas manchas que eu tenho nas maçãs do rosto). A flexibilidade das cerdas é ideal, sem ser mole nem firme demais.

Olhando o pincel de lado, ele é chanfrado dos lados, como os pincéis de base tradicionais. O caso é que, quando as cerdas são pressionadas na pele, essa superfície toma outra forma. Assim:

cb 1mp

cb 006

Dá pra ver, quando as cerdas são inclinadas, o que acontece com a superfície de contato?

cb 2mp

Será que a explicação que eu dei sobre como eu uso e o que eu acho diferente nesse pincel ficou clara? Se não ficou, espero que mais fotos ajudem (um montão delas, porque eu sei que pincel é jogo duro pra fazer uma idéia de como é sem ver de pertinho):

cb 007

De frente:

cb 002

cb 003

De ladinho:

cb 016

cb 017


Essa foto tá terrivelmente fora de foco, mas serve pra dar uma idéia do tamanho, estando do lado de um MAC 168:

cb 026


Aqui, comparando as cerdas vastas com as cerdas mixas de um pincel de base comum:

cb 024

É isso. O pincel custa £29,75, e a loja entrega no Brasil. Aqui: Coco Beau

20 comentários:

Nathy disse... [Responder comentário]
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
Simone disse... [Responder comentário]

Sugestão....experimenta o sigma F80...tenho certeza q tu vai amar!!!

Milena disse... [Responder comentário]

Toda vez que eu vejo a gente reclamando de pincel de base, eu lembro da Samantha e da Nic do canal Pixiwoo e me sinto incompetente...

Elas usam o pincel de base com tanta naturalidade, e a pele fica sempre linda. Parece tão fácil, né?

Queria conseguir a mesma coisa.

Anônimo disse... [Responder comentário]

Olá, Renata.
Usei meu Dermablend e fiz a aplicação como vc sugeriu no seu post. A make sobreviveu ao Reveillon de Copacabana. Viva!!! Os fogos foram muito bonitos e eu não derreti.
Imagino que pincéis assim facilitem mais. Encomendei os Sintéticos da Sigma, um denso e um de lábios da Juliet Hewett. Estou esperando, mas o pessoal deste último é meio enroladinho. Vamos ver se chegarão bem.
Namorei o site da Coco Beau e os próximos dinheirinhos deverão viajar naquela direção... Linda loja.
Desejo a vcs um 2011 pleno de realizações, além de makes boas, bonitas e (se possível) baratas. Bjs, Eugênia.

conversadebeleza disse... [Responder comentário]

Renata,

eu sempre gosto de experimentar novos pincéis. Mas, por mais que vá e volte e me encante com as novidades, também sempre volto para o tradicional pincel de base. Me dou super bem com ele, acho que faz ótima aplicação, nem fico riscadinha, chega nos cantinhos, tal e tal. Na verdade, meu preferido é ainda um pouco diferente do tradicional porque ele tem a pontinha quadrada.

De qualquer forma, para mim, eles (tradicional e de ponta quadrada) são imbatíveis!

beijossss

Renata

Vanessa Albuquerque disse... [Responder comentário]
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
Renata disse... [Responder comentário]

Simone, eu tenho o F82. É legal, sim, eu gosto dele, mas uso mais pra finalizar, sabia? Acho que isso ele faz melhor do que aplicar. Mas uma coisa que eu já reparei é que pincel é super pessoal. Aliás, eu mesma mudo de gosto e jeito de usar meus pincéis de tempos em tempos! :D Mas valeu a dica! Ainda não fiz resenha desse pincel, o f82. Vou fazer ;)

Milena e Renata, eu tenho *exatamente* a mesma sensação quando vejo as meninas do pixiwoo ou outras do youtube usando base com os pincéis tradicionais. Fico besta e me sentindo uma mané! hahaha Cara, como pode, pra mim fica sempre tudo riscado!

Re, como você faz? Conta!!!

Eugênia, esse Dermablend é tudo nesse sentido, né? Dura horrores! Legal que a aplicação deu certo pra você! Que pincel usou? A loja virtual da Julie Hewett ainda tá entregando no Brasil? Bota enrolados nisso, eu escrevi pra eles pra saber e nunca responderam... Já a Coco Beau... Os produtos de lá são meio carinhos, mas o pessoal dá uma super assistência. O atendimento é excelente! E feliz 2011 pra você também! :D

Obrigada a todas pelas dicas :-*

Carlinha Salgueiro disse... [Responder comentário]

Ai eu tenho um pincel meio assim, sintético e gordinho da Briggetes Boutique (acho que a Mi tem um kit igual, daqueles pequenos), é denso e mesmo não sendo o mesmo, deu ideias para testar o meu, que fica encostado.
Beijos!

Dáfni disse... [Responder comentário]

Adoro como descreve as funções do pincel, como aplica e o resultado! Óbvio que fiquei com vontade!

Mas sabe que eu andei me surpreendendo positivamente com um pincel de base desses normal mas de um kit da MAC? Eles são menorzinhos, mas o aplicador não. Tenho usado pra base líquida e achado fantástico! Acho que o cabo curto ajuda bastante...

Beijos

Anônimo disse... [Responder comentário]

Olá, Renata.
segundo a Veronica (Relações Públicas da Juliet Hewett) eles entregam no Brasil sim, mas mandei os dados do cartão de crédito para cobrar o frete em separado.
Até agora ela não fez o débito, embora eu já tenha feito a compra de um lápis, um batom e dois pincéis.
Vamos ver como isso acabará....

Anônimo disse... [Responder comentário]

Ah, aí em cima sou eu, Eugênia.

Thays Xavier disse... [Responder comentário]

Que legal esse pincel, só achei ele muito caro pro meu bolsom rs.
bjos

Renata disse... [Responder comentário]

Carlinha, acho que eu sei qual é esse da Brigittes, acho que não dá pra usar assim, aquele é mais um 'buffer', não é esse? Mas tem um que dá: um que parece um kabuki pontudo de cerda sintética da Coastal Scents. É bom, ele, viu? E bem mais barato! Só acho o trocinho de segurar daquele da CS meio pequeno, não me ajeito bem com ele por isso, mas é legal. Tenho fotos dele aqui, vou fazer um post, interessa?

Dáfni, também gosto do cabo mais curto! Não bato no espelho hahahahah E é mais jeitoso, sim. Mas pelamor, vocês que sabem usar esses pincéis, rola post ou video pra ensinar a gente? :/ Pliiiiiiiis!

Legal, Eugênia! Eu já tava desesperançosa de conseguir comprar deles de novo... Af, o lápis de boca é óóóótimo! Fiquei curiosa pra saber que cor de batom vc comprou :D

Thays, é caro mesmo. Eu fiquei tão empolgada que comprei meio que sem pensar no preço - coisa que eu NUNCA faço. Sabe aquelas coisas que depois você pensa e não entende como fez? rs Mas ainda bem que eu fiz, sabe? Quando o assunto é pincel, eu não lembro de ter comprado um caro que não fosse MUITO melhor do que os outros menos caros. (é, infelizmente rs)

beijos!

Anônimo disse... [Responder comentário]

Eu já tenho batom e lápis Belle Noir. Agora comprei batom e lápis Nude Noir, isso é, se é que vai chegar, pois até agora não responderam o email e não cobraram o frete, ainda que eu tenha pago os itens.
O dermablend eu apliquei com o que eu tinha: pincel de base comum (dando batidinhas) e os dedos. Acabei com beauty blender. Não ficou uma coca-cola de garrafa de vidro, mas deu para o gasto. Bjs, Eugênia.

conversadebeleza disse... [Responder comentário]

Renata,
Depois que você perguntou como que faz para não ficar riscadinho, fiquei observando como faço, hahaha! Eu aplico em movimentos curtos e rápidos, será isso? Algumas bases são mais propensas a ficar riscadas, eu acho. A Revlon ColorStay para peles oleosas e mistas é uma delas. Talvez bases de maior cobertura?

Quando fica riscadinho mesmo, é só dar batidinhas com o próprio pincel de base. Passa em vaivém, como o normal, depois pressiona o pincel sobre os riscadinhos, da mesma forma que a gente aplica sombra, em batidinhas.

Mas, o que eu mais gosto de fazer é, independente de ficar riscadinho, pressionar a polpa dos dedos contra a pele, assim que a base estiver espalhada e homogeneizada. Não esfregar os dedos, mas pressionar mesmo, como se estivesse empurrando a base contra a pele. Acho que faz a base fundir melhor ao tecido cutâneo e ficar menos aparente e mais bonita.

Beijos!!!

Renata

antoniajmc disse... [Responder comentário]

uau amei!!! acho que todos os pincéis de base devem ser gordinhos mesmo se não fica meio riscada a base no rosto...
beijoss!
Antonia

Renata disse... [Responder comentário]

Eugênia, eu não tenho o nude, queroooo! Me manda uma foto dele quando chegar o seu ?? :D

Ó, o Belle Noir eu acho lindão, e tem uma coisa que eu adoro fazer com ele: "bato" o dedo no batom, e aí num balm (mais balm do que batom) e passo nos lábios. Fica aquela cor vermelhinha natural, liiiindo! A base dermablend vai ficar coca-cola de garrafa de vidro, a gente vai pegando o jeito com ela. :)

Renata, é, e´assim que eu faço com pincel de base, pra tirar os riscados. Com batidinhas. dá um trabalhão! rs O pincel enorme facilita, mas acho que o que não dá pra fazer é só passar o pincel e pronto, né? Só no youtube eu vejo isso funcionar! rs (os dedos no final eu quase nunca consigo evitar, independentemente de como eu aplique). É o melhor mesmo! Obrigada pelas dicas!

Antonia, os pincéis de base funcionam melhor, eu acho, usando as laterais (a parte chanfradinha) e a ponta, mas os fininhos não têm muita superfície nessas partes. Esse tem uma superfície enorme justamente aí. Bem bom, viu? :)

bjs!

conversadebeleza disse... [Responder comentário]

Renata,
vou te dizer que minha base nunca fica riscadinha, hahahaha. Juro que não sei o que eu faço de diferente.

Quando estou com pressa, nem pressiono com os dedos nem nada. Só vai no pincel mesmo.

Agora estou invocada com isso. Vou pesquisar!

beijosssssss

conversadebeleza disse... [Responder comentário]

Renata,
lembrei que uma das Pixiwoo disse uma vez que aplica o hidratante facial e ou o primer já com o pincel de base. E que ele assim umedecido não faz as risquinhas.

Já tentou isso?

beijosssss

Renata

Renata disse... [Responder comentário]

Renata, boa essa dica do hidratante! Vou experimentar.

O caso de 'riscar' vai ver é o seguinte: quando eu termino de aplicar base, eu sempre olho num espelho de aumento pra não arriscar uma base mal espalhada e sair na rua sem perceber. Usando base de cobertura mais alta, acho que precisa fazer isso mesmo, porque quando se "erra" é uma desgraça! Vai ver é por isso que eu sempre vejo as risquinhas. :)

brigada!

bjs

Related Posts with Thumbnails